Seja Bem Vindo! Quinta-Feira, 18 de Julho de 2019
Notícia » Igreja » História
31/01/2019 às 16h57min - Atualizada em 31/01/2019 às 16h57min
Informações sobre o Santuário Nossa Senhora de Fátima – Sumaré
Igreja Nossa Senhora do Rosário de Fátima quando construída e com a entronização da Virgem de Fátima, em 1933

Localizada na Avenida Dr. Arnaldo, 1831, Alto do Sumaré, dirigida pelos frades da Ordem Terceira Regular de São Francisco no Brasil.

Doação de imensa área do Conde José Vicente de Azevedo, gesto altruístico, generoso e de muita fé.

Com projeto do arquiteto Curt Kuad em estilo arquitetônico colonial tradicional sem colunas centrais, inaugurado no dia 13 de maio de 1940 continuando a entronização da Virgem de Fátima, realizada em 1933, em grandiosa celebração com D. Duarte Leopoldo.

Com a construção da antiga capela também patrocinada pelo Conde José Vicente de Azevedo foi construído um Seminário para formação religiosa e residência dos sacerdotes.

Destaca-se na veneranda construção a capela das velas, o templo em formato de cruz, composto de duas galerias laterais com 15 capelas esculpidas por Artur Pederzolli, em jacarandá, representando os 15 ministérios do rosário, doadas por muitos devotos entre eles, eu confirmei em loco, os nomes de Abílio Brenha da Fontoura, Antônio Carlos de Macedo, Izidro dos Santos Costa, José Ermírio de Moraes e Pedro Monteiro Pereira de Queiroz, todos rotarianos.

O Santuário é formado ainda, por duas capelas laterais, Santíssimo Sacramento e Sagrada Família, decoração realizada na suntuosa via sacra pelo escultor Sanson Flexor com as seguintes dimensões: C. 45m x L. 17m x A. 16m. Com 640m de superfície.

Um suntuoso púlpito esculpido em madeira por Bernardo Heise com o tema Sermão da Montanha.

Altar Mor com material nobre, mármore, bronze e ônix.

A imagem central de Nossa Senhora de Fátima.

Mesa de comunhão construída em mármore nobre com portas de bronze confeccionadas no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo.

Órgão deve ter sido fabricado no fim do século XIX, instalado em 1956, originário da Itália, doado e transferido do Mosteiro de São Bento.

Pinturas em diversos materiais aplicadas no teto da nave.

No final do mês de outubro de 2018 recebemos no Museu Armando de Arruda Pereira, instalado 5º andar do Edifício Rotary no bairro de Higienópolis as senhoras Myriam Salomão, pesquisadora de arte brasileira, professora do centro de artes da UFES e Ana Regina Bastianelle, residente de tradicional família do bairro do Sumaré, na verdade uma das fundadoras da região, prima de Carminha e Haroldo Costella, um dos pioneiros da região, colaborador desde a primeira hora com os frades e os mais antigos moradores da Colina do Sumaré.

Tivemos a oportunidade de conversar longamente com essas destacadas senhoras sobre arte sacra em São Paulo, em Vitória no Espírito Santo e em muitas outras regiões do nosso país.

Acordamos também que após as festividades de maio de 2019, tentaremos organizar um seminário para relembrar e reverenciar todos aqueles que contribuíram para a grandiosidade do Santuário Nossa Senhora de Fátima – Sumaré, primeiro santuário construído no mundo em honra de Fátima depois de Portugal.



Fonte: Sérgio de Castro
    801 Exibições
    Comentários

    nenhum comentário cadastrado!

    Deixe seu comentário:
    Nome:
    Email:
    Cidade/Estado:
    Sua Mensagem: